Domingo, 6 de Abril de 2008

Qual família...

Devia estar na praia e não estou, estou aqui….fiquei-me pelo meu quarto e pela minha cama…no único dia de descanso que tenho. Fiquei aqui a definhar entre estas quatro paredes, as únicas que realmente me conhecem. Queria adormecer e só acordar quando isto tivesse passado tudo.

 

Desde pequena que assisto aos mesmo episódios, desde sempre que ouço as mesmas palavras, que vejo o mesmo sofrimento, que vejo todo o sacrifício vivido. Queria ter a possibilidade de poder afastá-los, mas não posso, neste momento não posso….mas hei-de poder, hei-de conseguir pôr um fim a isto tudo.

 

O importante não é ver as famílias juntas, mas sim vê-las unidas e felizes. Esta relação está cada vez pior, limitam-se a suportar-se, limitam-se a partilhar a mesma vida desde há 30 anos. Sempre ouvi discussões, sempre vi alguém a sujeitar-se ao que o outro queria, sempre ouvi alguém a dizer que já não aguentava mais, que um dia desaparecia….isso nunca aconteceu….continuou tudo na mesma, com altos e baixos, mas cada vez com mais baixos…piora de dia para dia. Não aguento ter de levar com isto tudo em cima de mim, ter de assistir a tudo isto, ter de ouvir os desabafos, ter de fazer alguma coisa para aliviar a situação. Tou farta de ver alguém a sofrer assim, tou mesmo farta de ver a sua cara de sofrimento e as suas lágrimas e pior que tudo é eu não poder fazer nada. Tou farta disto tudo, queria ser como a avestruz e poder enfiar a cabeça na areia e só tirá-la quando tudo tivesse terminado. Sei que isto nunca vai terminar, sei que isto vai ser para sempre, mas também sei que eu não vou estar aqui, que eu não quero estar aqui a assistir a isto até ao seu final.

 

Hoje o dia parece nunca mais terminar, os minutos parecem horas, só quero que passe depressa, que chegue depressa o dia de amanhã para poder enfrentar novamente mais um início duma semana de trabalho. Só quero ter a minha cabeça ocupada com outras coisas…

 

P.S. – Acho que vou começar a passar os fins de semana todos longe de casa, eu também preciso de alguma paz e por aqui não a consigo encontrar…

 

sinto-me:
publicado por RedGirl às 17:06

link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De coisas_de_gaja a 7 de Abril de 2008 às 14:19
Queria deixar-te uma palavra de reconforto mas não consigo, pois também ainda não a encontrei. Tenho passado por momentos dificeis, na família, e mtas vezes não sei o q fazer mais. Mesmo não vivendo debaixo do mesmo tecto, os problemas dos outros perseguem-me e não consigo ver-me livre deles. Fugir não adianta. Há que ajudar o lado da razão a dar a volta, a encontrar o seu caminho. No meu caso tem ajudado. Beijos e força!
De Arroto Azul a 7 de Abril de 2008 às 19:27
Por vezes pode ser difícil libertares-te de toda essa angústia e essas situações que teimam em estar presas a ti mesmo sem o quereres...

A verdade é que tens mesmo de o conseguir! Libertar-te...

Por vezes temos de ser frios e indiferentes, mesmo quando são coisas que nos tocam bem de perto... afinal de contas não temos o poder de mudar quem não quer ser mudado e teima em continuar na mesma vidinha de sempre! Não podemos estar em todo o lado...

Ontem devias ter aproveitado para dar uma volta, um passeio na praia e aproveitar a sua tranquilidade! Para a próxima não hesites em fazê-lo!

P.S.: Foi apenas um comentário de força sem querer meter a colher onde não sou chamado...

Comentar post

.sobre mim...

.Agosto 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Pesquisar neste blog

 

.Posts recentes

. Isto é só para alegrar os...

. ...

. ...

. Morte

. Gato que brincas na rua

. última semana

. Anseios

. Quase "The End"

. Reconhecimento à Loucura

. Qual família...

. Personalidade do Escorpiã...

. Fim de semana...

. help!!!

. Realista...sim senhor!!

. Páscoa...

.Arquivos

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

.Tags

. todas as tags

.Participa tu também

. participe neste blog

blogs SAPO

.subscrever feeds